COMO TORNAR-SE A PESSOA CERTA(sermões de noivado)

INTRODUÇÃO: Tiago 1:17-18.

As qualidades atraentes têm origem em Deus. Ele é o mais atraente de todos. Seu caráter é formado por tudo que é perfeito e belo. Em vista de Cristo ser Deus, as qualidades que demonstra mostram a natureza divina para nós.

Um dos benefícios de seguir a Cristo é que Deus está nos fazendo e moldando para nos tornarmos como Ele.

 O potencial para a semelhança com Deus é ilimitado. Devido à habitação do Espírito Santo, podemos permitir que Deus, pela fé, produza em nós toda a beleza do Pai.

Como resultado é o meio pelo qual Deus produz um caráter piedoso em nós. Gálatas 5:22 “Mas o fruto do espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.” Essas são as características que o Espírito Santo quer que produzamos. Assim sendo, se orarmos pedindo que o Senhor desenvolva em nós esses traços e nos empenharmos ativamente para amadurecer nessas áreas, Deus nos tornará atraentes como Ele quer que sejamos. P. 229.

Portanto, há objetivos certos e errados que os jovens buscam ao pensar em namoro e casamento. Vejamos:

1. OBJETIVOS ERRADOS

1.1. Correr atrás do casamento. Constrói-se castelos no céu com a pessoa que se quer casar. O problema em viver nesse mundo de fantasia é que quando você volta à realidade fica frustrado. Quanto mais constrói castelos no ar tanto mais frustrado se torna. Você acha que precisa casar-se para ser tão feliz como era quando estava sonhando. P. 242.

1.2. Outro objetivo errado é tentar encontrar a pessoa certa de acordo com sua lista. Quando vê alguém logo pergunta: “Esta pessoa corresponde à minha lista de requisitos? Corresponde ao ponto 1, 2 e 3,mas não ao 4 e 5. Esta pessoa não está à altura. Que pena.”

A frustração é que ninguém vai corresponder exatamente à sua lista. Esse método coloca uma pressão tremenda na sua busca da pessoa certa. É difícil relaxar ao encontrar-se com alguém se a lista estiver ali à vista na sua mente.

2. OBJETIVOS CERTOS

O que o Senhor pensa disto?  Em lugar de correr atrás do casamento, corra atrás do Senhor. Salmo 34:4 “Busquei o Senhor e ele me acolheu, livrou-me de todos os meus temores.” O ponto de vista de Deus é perseguir o amor e não o casamento.

Deus nos deu anos de solteirice a fim de aprendermos a amar fielmente, a nos dar a outrem em amizade, a ser a pessoa certa, a andar com o Senhor, a ser sensível às necessidades de outra pessoa, a saber o que uma outra pessoa sente e a compreender como abrir nosso coração para outros.” P. 243.

CONCLUSÃO: Noivos, a vida espiritual é uma experiência pessoal direta com Deus. Não deve ser uma relação feita através de um cônjuge ou amigo. Alguém do outro sexo que satisfaça as suas especificações de piedade, não desejará você se for uma trepadeira espiritual ou um pneu murcho que precise ser inflado. Cada um é responsável pelo seu próprio andar com o Senhor.

Assim crescerá em beleza e santidade. Porque crescerá em Deus. Tiago 1:17-18.

Pr.HWRosin. Pregado em: 14/09/96 – Pib Urucânia.

PURNEL, Dick. Um Cônjuge Amante e Amigo. Candeia, 1991. 256p.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: